terça-feira , julho 17 2018

MUDE SUA IMPRESSÃO DA IMPRENSA!

“Posso não concordar com uma só palavra do que dizeis, mas defenderei até a morte vosso direito de dizê-lo” Essa frase, atribuída ao escritor e filósofo francês Voltaire, é o retrato mais fiel que vejo para quem faz comunicação.

Sou jornalista desde 1997. Amo o que faço e faço com muito amor. Amo as palavras; sejam elas escritas, faladas ou simplesmente ditas em silêncio. O tempo me ensinou interpretar a maioria delas. Palavras me acalmam; elas me emocionam, me inspiram, me alimentam, e me fazem um ser humano melhor. Já tive vezes de querer alterar meu tom de voz achando que com isso me sobressairia. Estava errado. Resolvi então melhorar meus argumentos. E deu certo!

Até hoje, essa ‘tal’ imprensa só me apresentou amigos. Me fez crescer. Sou avesso a inimizades; só não é meu amigo quem realmente não me aceite como tal. Não gosto de brigas, bate-bocas, baixarias. Meu prazer é discutir, debater e conversar. O diálogo é grande arma para um mundo melhor. Seja em casa ou no ambiente profissional.

Nessa profissão jamais fiz inimizades. Já fui discordado muitas vezes, tanto quanto discordei de muitos companheiros de profissão. E aí está o segredo. Concordar ou discordar não nos torna inimigo; faz-nos profissionais e pessoas melhores. E pode parecer contraditório, mas as mesmas palavras que tanto eu amo, também foram minhas maiores inimigas quando me faltaram no momento que precisei usá-las. E a culpa era só minha; então fui atrás delas. E também foram elas o remédio para curar minha ignorância consciente, quando as busquei e as busco até hoje para curar o que acho injusto e prejudicial a qualquer ser vivo. SALVE A MINHA, A SUA E A NOSSA IMPRENSA!!

(Josyel Ribeiro Carvalho)

 

Comentários

comentários

Tente de novo

Prefeitura de Bela Vista conquista R$ 70.000,00 em medicamentos ao Hospital São Vicente de Paula

Medicamentos vão auxiliar em um mutirão de cirurgias para atender a população e zerar a ...