quinta-feira , julho 19 2018

Agepen arma esquema de segurança para diretor ameaçado pelo PCC

Ameaça foi descoberta na semana passada

Uma ameaça contra o diretor adjunto da PED (Penitenciária Estadual de Dourados), Antônio José do Santos foi descoberta na semana passada quando agentes comunicaram que um preso integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) teria dado a ordem de execução contra o diretor.

Um boletim de ocorrência foi registrado e após o fato descoberto um ‘protocolo de segurança’ foi colocado em prática para a preservação da vida do agente. De acordo com a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) todas a apurações devidas junto da Gerência de Inteligência do Sistema Penitenciário estão sendo apuradas.

Na última terça-feira (10) vídeos e áudios foram divulgados, onde os detentos fazem um ‘protesto’ batendo objetos nas grades das celas. A intenção dos presos era a formação de um motim para a retirada de detentos do PCC de uma das alas do estabelecimento penal.

Sobre os vídeos e áudios a Agepen negou afirmando serem antigos e que na noite da última terça-feira (10) tudo teria transcorrido de forma normal na penitenciária.

PED

O estabelecimento penal conta com 12 agentes penitenciários por turno, com uma lotação de 2.500 detentos – a capacidade é para 700. Segundo informações do Sinsap (Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária) há 10 anos, o presídio contava com 34 servidores.

 

Fonte: midiamax.com.br

Comentários

comentários

Tente de novo

Comarca de Bela Vista abre inscrições para seleção de estagiários

Estão abertas as inscrições para o processo seletivo de estágio para acadêmicos de Direito na ...