SED não cobrará notas, mas exigirá aprendizado de estudantes durante aulas remotas

Durante a live do Governo do Estado, na tarde de hoje (18), o superintendente de Políticas Educacionais, Hélio Daher, ressaltou ao decorrer do período de aulas à distância, a SED (Secretaria Estadual de Educação) não está cobrando o lançamento de notas dos alunos da rede escolar, mas pede que pais estejam atentos a aprendizagem do estudante.

Conforme Daher, a SED está em recebendo sugestões e a avaliação de pais ; as escolas podem ser acionadas, caso o aluno apresente dificuldade com o conteúdo ou metodologia escolar, mas que acompanhem o processo de aprendizagem do filho.

“A aprendizagem não é a mesma que acontece em sala de aula. Algumas escolas optaram em não lançar as notas do semestre, mas estamos na fase de avaliar esse processo. Este recesso foi necessário para verificar o resultado daqueles alunos que não tem acesso a internet. Tiveram escolas que precisaram entregar e buscar as atividades impressas, como aqueles de escolas rurais. Não é que os professores vão deixar de lançar as notas, ou o aluno não entregar as atividades, mas estamos avaliando as dificuldades deste período”.

A secretaria também não está levando em conta o tempo em que o estudante está mantendo o os estudos, mas se está entregando as atividades solicitadas e absorvendo o conteúdo disponibilizado nas plataformas de ensino online e impresso.

“Não tem como estudar 24 horas por dia, mas que ele tenha aprendizado. É importante o diálogo entre os pais e estudantes. Pais que não podem ficar em casa, a sugestão pe que estabeleça uma rotina mínima, para que sinta que o estudante está desenvolvendo as atividades. Os professores estão se esforçando para que todos os alunos tenham acesso ao conteúdo, e além das plataformas, ele pode conversar com alunos por e-mail, WhatsApp ou Facebook”, finaliza.

 

Fonte: midiamax