Grupo armado invade fazenda, faz caseiro refém e abate animais

Cabeça de um dos animais abatidos pelo bando. (Foto: PM Porto Murtinho)

Um grupo de seis homens invadiu uma fazenda na região conhecida como Ponta Fina em Porto Murtinho, distante 439 km de Campo Grande, fizeram o caseiro, um idoso de 83 anos refém e abateram animais. O crime ocorreu no fim de semana, mas só chegou a polícia nesta terça-feira (23).

O caseiro contou que aos policiais que o grupo invadiu a fazenda com armas longas e assim que chegou anunciou o assalto. A vítima foi amarrada enquanto os bandidos, que conversavam em guarani, abateram alguns animais e depois fugiram levando um barco da propriedade.

Por medo, o idoso não ficará mais no local, que pertence a um militar da reserva, já que o bando ameaçou de voltar para levar mais animais, conforme apurado pelo Porto Murtinho Notícias.

O caso aconteceu no sábado, mas só foi descoberto hoje depois que uma pessoa passou por lá e avisou as autoridades. Como a propriedade fica entre Porto Murtinho e a cidade de Porto Sastre, no Paraguai não existe cobertura telefônica. A Polícia Militar e a Militar Ambiental foram até a fazenda e encontraram algumas cabeças e outras partes de animais abatidos abandonados pelos suspeitos.

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS