Polícia Federal desarticula organização criminosa envolvida em tráfico aéreo

Polícia Federal - Divulgação/ Governo Federal

Polícia Federal desarticula organização criminosa  que atua no tráfico de drogas na fronteira de Mato Grosso do Sul, entre a Bolívia e o Paraguai, através de duas operações na manhã desta quarta-feira (24).

As operações denominadas ‘Canis e Urano’, possuem os mesmos interesses e acontecem de forma simultânea em mais de três regiões do país além do Estado, como em: São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Goiás.

O processo de investigação teve início em 2019  durante a tentativa de fuga do líder da organização criminosa no posto de imigração da fronteira entre Corumbá/MS e o país vizinho Bolívia.

Com o traficante, foi encontrado um grande quantitativo em dinheiro, dez aparelhos celulares e documento falso que, após análises, demonstraram o envolvimento do criminoso com o tráfico internacional de cocaína através de aeronaves.

Na outra ponta, a Polícia Federal apreendeu 220 quilos de maconha na cidade de Naviraí, decorrente da operação Urano.

Além disso, foi realizada a análise dos dados bancários e fiscais dos investigados em conjunto com o Núcleo de Pesquisa e Investigação da Receita Federal no Mato Grosso do Sul, onde, aponta a participação de diversas pessoas e empresas na movimentação e ocultação de valores do grupo criminoso.

 

Fonte: correiodoestado