Jovem era mantida em cárcere por homem que conheceu pela internet

Vendedor, de 29 anos, foi preso nesta quinta-feira (27) após a agredir e manter a esposa, de 22 anos, em cárcere. O casal, que se conheceu pela internet, estava morando junto há nove dias. O caso ocorreu no Jardim Santa Emília, em Campo Grande.

O GOI (Grupo de Operações e Investigações) foi acionado para atender ocorrência de violência doméstica e, no local, encontrou a vítima com o pé machucado. Aos policiais, a jovem contou que morava no interior de Minas Gerais e conheceu o homem pela internet há cerca de um mês.

Em um das chamadas de vídeo que fez com o suspeito, o homem colocou a mãe dele para conversar com a vítima. Depois, ela descobriu que a sogra foi coagida e ameaçada com uma faca para convencê-la a mudar para Campo Grande.

No dia 18 deste mês, a jovem mudou para a Capital para morar com o homem, a sogra e as cunhadas. Desde então, ela era mantida trancada no quarto pelo suspeito, agredida e obrigada a manter relação sexual.

Ainda segundo o depoimento da vítima à polícia, o homem dormia com uma faca embaixo do travesseiro. O objeto era usado para ameaçá-la.

O suspeito foi preso e, na delegacia, negou que estava mantendo a jovem em cárcere, mas assumiu que não gostava que ela tivesse contato com os seus parentes que moravam na mesma casa porque eles inteferiam negativamente no relacionamento dos dois.

À polícia, o suspeito disse que faz uso de crack e cocaína há 15 anos e que faz uso de medicamento controlado.

O homem foi preso e levado para a Deam (Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher).

 

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS