Secretaria de Saúde aguarda definição da Anvisa sobre testes da Coronavac

Coronavac já foi aplicada em 105 profissionais de saúde na capital (Foto: Instituto Butantan)

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, está aguardando novas informações para se pronunciar sobre a interrupção dos teste da Coronavac. A vacina estava em teste na Capital e, até segunda-feira (9), 105 profissionais de saúde haviam recebido dose da Coronavac.

A interrupção dos testes foi determinada na noite desta segunda-feira (9) pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), devido a um “evento adverso grave” ocorrido em 29 de outubro.

Neste momento a direção da Anvisa  e do Instituto Butantan estão em reunião, em Brasília, para decidirem sobre a suspensão ou continuidade dos testes da vacina Coronavac. O medicamento era considerado, até então, um dos mais seguros e promissores, possíveis imunizantes da covid-19.

Em nota oficial, o Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, onde o estudo era feito, informa que, assim como a direção do Instituto Butantan, foi pego de surpresa pela notícia de que a Anvisa determinou a suspensão dos testes com a vacina Coronavac. De acordo com a assessoria, o hospital só vai se pronunciar após as deliberações da reunião que está acontecendo em Brasília.

 

CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS